domingo, 12 de setembro de 2010

Fabrício Carpinejar

Eu entendo você, mas não alivio. Está tão acostumada a mergulhar em seu sofrimento, que perdeu o lugar onde dói. Talvez o que doa esteja fora e você nem reparou.


Extraído de: http://adoce-com-limao.blogspot.com

9 comentários:

  1. Carpinejar tem versos, frases, inteligentes; grandes sacadas, digamos.
    Bjo, Renata.

    ResponderExcluir
  2. Meu blog mudou de endereço, o novo é:
    http://vemcaluisa.blogspot.com/
    :)

    ResponderExcluir
  3. OLÁ RENATA.

    SOU SEU MAIS NOVO SEGUIDOR.

    PARABÉNS PELO BLOG.

    UM FELIZ 2011.

    COMBINADO?

    BEM, DEPOIS DO NATAL E ANTES QUE 2011 CHEGUE, ESTOU CONVIDANDO VOCÊ PARA UMA REFLEXÃO NO MEU BLOG DE HUMOR : “HUMOR EM TEXTO”

    A NOVA CRÔNICA DE HUMOR DESTA SEMANA É : “TIRIRICA R$26.000,00. APOSENTADOS, R$ TITICA,00.”

    VENHA CONFERIR E DEIXE SEU COMENTÁRIO.

    O BLOG “ HUMOR EM TEXTO “ É DE HUMOR...E DE GRAÇA !

    UM ABRAÇÃO CARIOCA.

    ResponderExcluir
  4. DESEJO UM BOM ANO REPLETO DE SAÚDE, PAZ, ALEGRIA,

    E UMA ESPERANÇA REDOBRADA NUM ANO MELHOR.

    ResponderExcluir
  5. Foi um amigo de Sampa, Alkimim, quem me "apresentou" Carpinejar e suas unhas pintadas de preto. Gosto muito deste poeta!

    Abraços,

    ResponderExcluir
  6. Minha querida

    Com saudades...mas voltando, deixando um beijinho.

    Sonhadora

    ResponderExcluir
  7. Oi, Renata, bom dia!!
    A sequência de verbos é sem dúvida motivo de meditação: acostumar... mergulhar... perder(-se)... Dependendo do substantivo que coloquemos após o segundo verbo, o terceiro verbo poderá ser mudado ou transformar-se em seu sentido... Como o poeta fala de alguém acostumada em mergulhar no sofrimento, só resta perder-se na dor... Se o acostumar fosse mergulhar na vida, o terceiro verbo poderia ser achar-se (de repente, cheia de vida!)... Ou mergulhar na alegria, na felicidade, na perseverança... Que temos escolhido para nos acostumar a mergulhar?!...
    Um abraço carinhoso
    Lello Bandeira
    P.S. Excelente blog!

    ResponderExcluir
  8. Renata,
    Desejo a você um maravilhoso dia da mulher internacional que você é. Não me equivoquei na ordem das palavras. A você, o meu carinhoso abraço. Todos os dias do ano são seus, não apenas este.
    Um abraço carinhoso!
    Lello

    ResponderExcluir